oe Gálbano (CO2-SE) 10ml

Nome científico: Ferula galbaniflua

Origem: Irã

Partes: Resina

Método: Á vapor

Cultivo: orgânico não certificado

Agricultura: Orgânico não certificado

R$ 172,00

3 em estoque

REF: 4361. Categorias , . Tag: .

Product Description

O gálbano é originário do Oriente Médio e do Oeste da Ásia cultivado na Turquia, Irã, Líbano e Afeganistão. Sua resina é usada dede os tempos antigos na aromatização de incensos e foi citada na bíblia como um dos ingredientes do incenso de Moisés. Na Europa o gálbano ficou conhecido por meio do alemão F.A. Buhse, que residiu na Pérsia em 1848. Foi citado também na Farmacopéia britânica, em 1898.

 

Usos na perfumaria como fixador.

 

Propriedades medicinais: Anti-reumática, anti-séptica, anticatarral, antiespasmódica, bronquite, antiinflamatória, inflamação glandular, antivirótica, béquica, carminativa, cicatrizante, emenagoga,, estimulante, espasmo uterino, expectorante., cortes, parasitas, dores musculares, estiramento, problemas nas juntas, reumatismo, má circulação, reumatismo, cicatrizes e feridas.   Analgésico, abscessos e furúnculos.

Estética: Emoliente, pele envelhecida, acne, promove a regeneração celular.

Psicoaroma: Suaviza a tensão emocional. Usado em meditação

Modo de usar

Externamente: abscesso, inflamação glandular, úlcera, furúnculo, ferida, pele.

Princípios ativos: Cumarina (umbeliferona), galbanol, galbaresina,  pineno, cardinol, cadineno, mirceno, umbeliferona,

Contra-indicações/cuidados

Efeitos colaterais: a resina pode irritar os olhos e a pele . Por isso usar sempre diluído em óleos vegetais, cremes à base de óleos vegetais ou géis. No caso de contato com os olhos, lavar abundantemente com água corrente; na pele, lave com água e sabonete neutro; no caso de ingestão, consulte um médico.

Additional Information

Peso 0.09 kg

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *